• Comunicação CRMV-RN
  • 13/12/2018

CRMV-RN pede apoio ao Ministério Público no combate ao Charlatanismo e aos cursos técnicos irregulares

Encontro com promotoras aconteceu na manhã desta quinta-feira

O vice-presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio Grande do Norte, Dr. José Arimateia, passou parte da manhã desta quinta-feira (13), reunido com as promotoras do Meio Ambiente, Dra. Mariana Batalho, e da Cidadania, Dra. Fladja Raiane, do Ministério Público para pedir apoio do MP no combate ao charlatanismo na medicina veterinária, bem como o combate aos cursos técnicos irregulares da área.


"É importante estreitar as relações com o Ministério Público e buscar esse apoio de uma instituição tão séria. Os cursos técnicos, que não são regulamentados pelo MEC, trazem um prejuízo para os animais e a sociedade em geral. A medicina veterinária precisa ser desenvolvida com responsabilidade", disse Dr. Arimateia.

O vice-presidente foi acompanhado do assessor jurídico do Conselho, Dr. Herik Queiroz, e lembrou ainda que os cursos técnicos irregulares, hoje são uma realidade em vários municípios do Rio Grande do Norte. "O MP se mostrou preocupado com a causa não só dos cursos técnicos, mas também com o charlatanismo. Descrevemos essa realidade para as promotoras e elas ficaram de estudar e trabalhar em conjunto conosco ", finalizou, Dr. Arimateia. 

Ver todos

Responsabilidade Técnica Alimentar é foco de debate em curso promovido pelo CRMV-RN

Curso aconteceu em Natal e Mossoró e capacitou profissionais da área

CFMV contribui com consultas públicas do Mapa sobre lagosta e camarão

Consulta pública fica aberta até próxima terça-feira

Curso de RT em Pet Shop e Clínica de Pequenos reúne profissionais da área e discute noções de marketing e gestão de negócios

Evento foi promovido pelo CRMV-RN e ministrado por médico veterinário especialista na área