• Comunicação CRMV-RN
  • 10/06/2019

Comissão de Saúde Pública orienta veterinários de Pau dos Ferros a notificarem casos de Leishmaniose Visceral

Parecer técnico será encaminhado a todos os profissionais que atuam no município. Homem morreu vítima da zoonose, neste ano.

A Comissão Regional de Saúde Pública Veterinária emitiu um parecer técnico em que orienta os médicos-veterinários que atuam nas redes pública e privada do município de Pau dos Ferros, na região Oeste do Rio Grande do Norte, a comunicarem às autoridades municipais e estaduais os casos positivos de Leishmaniose Visceral Canina.

De acordo com a nota assinada pela presidente da Comissão, dr. Kênia Suênia Meira de Araújo, os profissionais devem informar os casos positivos em que os tutores dos animais não tenham iniciado o protocolo de tratamento com o medicamento Milteforan, aprovado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). 

A nota técnica explica que apenas os cães tratados com esse remédio, aprovado pelas autoridades nacionais, não necessitarão ser encaminhados para eutanásia.

“Nesse caso específico, o responsável pelo cão com Leishmaniose Visceral Canina (LVC) deverá apresentar ao profissional de saúde que visitar sua residência um atestado médico emitido pelo médico veterinário regularmente inscrito no CRMV. Este atestado deve constar as informações de tratamento do animal acompanhado do resultado de sorologia realizada nos últimos 4 meses”, aponta a nota. 

Em todos os outros casos, os protocolos de controle preconizados pelos serviços de saúde devem ser implantados. 

No dia 24 de maio, o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio Grande do Norte publicou no seu site e redes sociais uma nota da comissão explicando o que é a zoonose e os protocolos de controle, após a confirmação da morte de um homem vítima de Leishmaniose Visceral em Pau dos Ferros. 

A nova nota técnica, aprovada pela Comissão na sua primeira reunião, realizada na última quinta-feira (6), atende a uma recomendação do Ministério Público Estadual, feita ao Regional, ao município e à Secretaria Estadual de Saúde. O documento será encaminhado a cada um dos profissionais inscritos no CRMV que atuam no município.

Ver todos

Mês do Médico-Veterinário: entrevista com o profissional Nivaldo Costa sobre atuação com grandes animais

“A atuação do médico-veterinário de animais de grande porte foi e continua sendo de enorme importância num país de grande extensão territorial e com aptidão primária para a pecuária”.

Já está disponível no portal do Mapa o primeiro volume do Manual de Boas Práticas na Criação de Animais de Estimação - Cães e Gatos

Elaboração do documento contou com a contribuição do Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV)

CRMV-RN começa a fixar adesivo em estabelecimentos fiscalizados

Documento aumenta transparência e facilita contato do público com o Regional.

Estão abertas as inscrições para a 2ª Semana do Médico Veterinário no RN

Palestras e entregas de carteiras acontecem de 23 a 27 de setembro em Natal, Caicó e Mossoró.

Dia 9 de setembro é o Dia do Médico Veterinário

Rio Grande do Norte tem 1.001 profissionais em exercício e inscritos no CRMV-RN.